O dia que Brusque parou

Em 9 de setembro de 2011, a enchente do rio Itajaí Mirim deixou grande parte do município submerso


As atenções da população de Brusque naquela sexta-feira, 9 de setembro de 2011, estavam voltadas a enchente do rio Itajaí Mirim, quando naquela ocasião, grande parte do município ficou debaixo d’água.
Segundo dados da Defesa Civil, o pico desta cheia foi de 10,3 metros sendo que não foi registrado nenhum óbito, decorrente deste evento climático extremo.

As águas invadiram ruas e casas bem como, o comércio em geral e o medo tomava conta da população que nada podiam fazer.
As imagens acima foram registradas naque fatídico 09/09/2011, junto ao bairro Rio Branco e esta logo abaixo, na região central da cidade de Vidal Ramos, onde por lá, o Itajaí Mirim também assustou os moradores.

O dia seguinte


Assim que as águas baixaram, iniciou-se a árdua tarefa de reconstrução diante do que restou e mais uma vez, o trabalhador brusquense não desanimou, muito pelo contrário, o que se viu então ao longo dos bairros atingidos foi trabalho, muito trabalho.
Méritos de um povo batalhador que tem em suas veias, o sangue herdado dos seus antepassados!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.